Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Economia

Fim de ano vai gerar quase 500 mil vagas temporárias no Brasil. Especialista dá dicas

Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

Até o final do ano, 470 mil vagas de emprego temporário serão criadas, de acordo com a Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Asserttem). Neste cenário, as chances de transformar a renda extra em um emprego fixo tendem a aumentar se o temporário mostrar seus diferenciais e competências, como observa o professor de Psicologia do Trabalho e gestor de pessoas, Jailton Souza.

“Para se diferenciar é fundamental compreender as expectativas da empresa. Com isso, o colaborador alcançará resultados assertivos. Igualmente importante é o autoconhecimento, colocar-se disponível, ser agradável, comunicativo, reconhecer suas limitações e buscar ajuda para trabalhá-las, facilitar a percepção de suas qualidades técnicas e comportamentais nas tarefas, aumentando ainda mais o desejo do empregador em ter um funcionário como você”, orienta.

Dicas

“Trabalhe com dedicação e responsabilidade, encare a função temporária como uma oportunidade de efetivação. Para tanto, é importante obedecer às regras, cumprir horários, sugerir ações de melhorias nas atividades realizadas, manter relações saudáveis e respeitosas com os colegas de trabalho, e fundamental, ser gentil com os clientes. Demonstre também interesse e peça feedbacks, são gestos que denotam maturidade para lidar com críticas e esforço em aprender para se desenvolver”, finaliza o especialista.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Para quem ainda está em busca de um trabalho temporário, Jailton Souza sugere manter a rede de relacionamentos a par de sua intenção. “O networking é uma ferramenta valiosa, pode ajudar a conseguir uma entrevista presencial, além disso nem sempre as vagas de emprego são divulgadas, alguns recrutamentos são internos, acontecem dentro da própria empresa, ou por meio de networking. Importante frisar que é uma relação bilateral, então o candidato deve deixar claro que está disponível para ajudar sua conexão quando precisar”, afirma.

O professor recomenda ainda a participação em grupos de emprego em redes sociais e aplicativos de mensagens. “Vivemos na era digital, portanto é praticamente uma regra ter um perfil profissional em plataformas de emprego como o LinkedIn e manter o currículo atualizado, e atenção, use uma foto em boa resolução, com um fundo neutro e condizente com a forma como você se vestiria para ir ao trabalho”, finaliza.

Notícias relacionadas

Economia

O indicador Intenção de Consumo das Famílias (ICF) caiu em fevereiro pelo terceiro mês seguido. O índice calculado pela Confederação Nacional do Comércio de...

Economia

Começa a valer, nesta terça-feira (20), o novo valor de contribuição para os Microempreendedores Individuais (MEIs). Com o reajuste do salário mínimo, a taxa...

Brasil

O Senado Federal deve votar, nesta terça-feira (20), o projeto de lei que restringe a saída temporária de presos em feriados e datas comemorativas,...

Saúde

O Brasil chegou a 113 mortes por dengue desde o início do ano, segundo dados do Ministério da Saúde. Outras 438 mortes são investigadas....

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO