Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Saúde

Vacina da dengue: pesquisas pelo imunizante crescem no Google

O Brasil registra um aumento na procura pela vacina contra a dengue, em meio ao crescimento dos casos da doença no início de 2024. O Ministério da Saúde contabilizou, até segunda-feira (12), mais de 512 mil casos de dengue — um crescimento de quase 300% em comparação ao mesmo período de 2023. 84 mortes já foram confirmadas.

Segundo dados do Google Trends, o interesse em buscas pelo imunizante atingiu o pico na última semana, quando ele passou a ser distribuído pelo SUS para os 521 municípios selecionados para a campanha de vacinação do Governo Federal. Serão priorizados, neste primeiro momento, crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, faixa etária que concentra o maior número de hospitalização por dengue, depois de pessoas idosas — grupo para o qual o imunizante não foi liberado pela Anvisa.

Interesse de busca por vacinas contra dengue atingiu pico na última semana | Google Trends
Interesse de busca por vacinas contra dengue atingiu pico na última semana | Google Trends

O SBT News consultou o infectologista e professor da Universidade de São Paulo (USP) Marcos Boulos, para responder às principais perguntas feitas pelos brasileiros no Google.

Como a vacina contra a dengue pode ajudar a conter a proliferação da doença?

“A vacina da dengue, quando disponível em quantidade suficiente, poderá diminuir a transmissão da doença, além de levar a diminuição da gravidade. É mais uma intervenção que pode contribuir para o enfrentamento da dengue”, diz o médico.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Com a chegada das vacinas, a dengue será erradicada?

“Não acredito. A vacina, na melhor das hipóteses, tem eficácia inferior a 80%. Isso significa que a cada 10 pessoas vacinadas, 2 a 4 pessoas não estarão imunes. Porém, é uma intervenção que pode contribuir para limitar a transmissão. Nas condições de nosso país, com aglomerados populacionais, a dengue deve persistir por muito tempo dando epidemias”, afirma Boulos.

Atualmente qual a medida de prevenção a dengue mais efetiva?

“A melhor prevenção é o uso de repelentes”, destaca o infectologista. O SBT News explicou quais repelentes podem ser usados contra o mosquito da dengue.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Por que em alguns anos as epidemias de dengue são mais preocupantes do que em outros?

“Normalmente a epidemia tem picos a cada 4, 5 anos, que é o tempo que a imunidade populacional diminui pela presença de novas pessoas e crianças que não foram expostas anteriormente. Somado a isto, neste ano, têm mudanças ambientais com a passagem do El Niño, que levaram a intensas chuvas, favorecendo a proliferação do vetor”, diz o professor.

Notícias relacionadas

Saúde

O Rio Grande do Norte realiza neste sábado (13) o Dia D de vacinação contra a influenza. O Dia D tem como objetivo principal...

Cidades

Um estudo brasileiro, realizado pela Unb (Universidade de Brasília) e publicado pela revista científica International Journal Mental Health and Addiction, aponta que o tratamento de usuários de crack com canabidiol apresenta melhores...

Saúde

Em 2024, o Brasil superou a marca de 3 milhões de casos suspeitos de dengue. Segundo informações divulgadas pelo Ministério da Saúde, até a...

Cidades

O Rio Grande do Norte registrou 13.397 casos prováveis de dengue nos quatro primeiros meses de 2024. O número supera o total de 2023,...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO