Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Brasil

Ivete Sangalo está com pneumonia; entenda o que causa e como diagnosticar a doença

Ivete Sangalo foi internada, nesta quinta-feira (22), com um quadro de pneumonia. Em suas redes sociais, a cantora, de 51 anos, tranquilizou seus fãs e disse que o diagnóstico veio de uma suspeita de virose, junto com tosse, após o carnaval.

“Na terça-feira não me sentia confortável com uma tosse chata e muito repetitiva. Hoje, a a partir do aconselhamento médico vim ao hospital e então veio a internação. Diagnóstico: pneumonia”, disse a artista

De acordo com o pneumologista do Oswaldo Cruz, Elia Fiss, febre e tosse são os sintomas mais comuns da pneumonia e de diversas outras doenças pulmonares, por isso, pode ser considerado um sinal de alerta para procurar ajuda médica.

O que causa a pneumonia?

A pneumonia é uma inflamação ou infecção dos pulmões. É mais comum a doença viral ou bacteriana, mas em alguns casos também pode ser fúngica, com o histoplasma e o aspergilus, segundo André Nathan, pneumologista do Hospital Sírio Libanês. A contaminação pode ser pelo ar, saliva, transfusão de sangue ou mudanças bruscas de temperatura, que comprometem o funcionamento dos pelos do nariz responsáveis pela filtragem do ar aspirado, o que acarreta em uma maior exposição aos micro-organismos causadores da doença.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

De acordo com Elia, no caso da doença bacteriana o principal agente infeccioso é o pneumococo e, quando for viral, pode ser a Covid-19, Influenza (Gripe), dentre outros vírus.

Quais são os fatores de risco?

Para Nathan, há fatores de risco sociais, como poluição e a condição socioeconômica da população, além dos individuais, como tabagismo, diabetes, câncer e pessoas imunosuprimidas.

Quando procurar ajuda?

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Os principais sinais são febre, tosse, dor, calafrios e, principalmente, a coloração do catarro. Caso ele esteja amarelado ou esverdeado, é um indício que você deve procurar um atendimento de saúde especializado, segundo Elia, que também ressalta a prevalência de sudorese noturna, que é a transpiração durante o sono.

Como é feito o diagnóstico?

Além do histórico de sintomas, o diagnóstico é feito por raio-x ou tomografia de tórax, exame físico, além de exames laboratoriais para identificar o agente etiológico: bactérias, vírus ou fungos que estejam causando a infecção.

Sintomas como aumento significativo da frequência respiratória, falta de ar e dor no peito podem necessitar de internação.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Como se prevenir?

Evitar contato com pessoas infectadas e as vacinas. Há vacina pneumocócica para prevenção de pneumonia, que também previne meningite e otites, e os imunizantes contra a Covid-19 e a Influenza.

Como é o tratamento da doença?

É importante manter a hidratação e administração de antibióticos, se ela for bacteriana. Nos casos virais, apenas o tratamento de suporte, ou seja, atuando no alívio dos sintomas. No caso dos fungos, é necessário os medicamentos antifúgicos.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Notícias relacionadas

Cidades

A atividade do setor de serviços no Brasil apresentou recuo 0,9% na passagem de janeiro para fevereiro de 2024, segundo dados da Pesquisa Mensal...

Cidades

O projeto de lei (PL) que acaba com as saídas temporárias de presos em feriados e datas comemorativas foi sancionado pelo presidente Luiz Inácio...

Cidades

Esther Dweck, ministra da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI), afirmou que a partir de 25 de abril, os 2,144 milhões de...

Cidades

Um estudo brasileiro, realizado pela Unb (Universidade de Brasília) e publicado pela revista científica International Journal Mental Health and Addiction, aponta que o tratamento de usuários de crack com canabidiol apresenta melhores...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO