Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Brasil

Solidariedade expulsa advogado que ofendeu Moraes e Barroso em julgamento no STF

Foto: Divulgação

O advogado Hery Kattwinkel Júnior, que defendeu o segundo réu do julgamento dos atos golpistas de 8 de janeiro no Supremo Tribunal Federal (STF), foi expulso do partido Solidariedade na noite de quinta-feira (14). A decisão foi tomada após o advogado disparar ofensas contra os ministros Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso.

Leia as últimas notícias no portal Ponta Negra News

“A direção municipal do Solidariedade em Votuporanga-SP não compactua com a postura do profissional em atacar a Suprema Corte. Deliberamos pela expulsão do membro, reiterando o nosso respeito às leis brasileiras, nosso compromisso com a Democracia e o respeito às instituições públicas brasileiras”, disse o Solidariedade, em nota.

Kattwinkel Júnior estava fazendo a defesa de Thiago de Assis Mathar, acusado de participar da depredação dos prédios dos Três Poderes em Brasília, quando criticou a conduta de Moraes. O advogado afirmou que o ministro “inverte o papel de julgador” e “passa de julgador a acusador”. “É um misto de raiva com rancor quando se fala dos patriotas”, disse.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Logo depois, Kattwinkel Júnior usou uma informação falsa creditada a Barroso para defender o cliente, dizendo que o ministro teria afirmado que “a eleição não se ganha, se toma”. Barroso desmentiu a fala, informando que a frase foi dita pelo senador Messias de Jesus, em 2021, que, na época, citou a manipulação das eleições feitas com voto impresso.

A atitude do advogado foi criticada por Moraes, que classificou a defesa como um “discurso de ódio para postar nas redes sociais”. O ministro ainda comentou sobre o despreparo de Kattwinkel Júnior, que, durante a sustentação oral, confundiu o livro “O Príncipe”, de Nicolau Maquiavel (1469-1527), com o livro “O Pequeno Príncipe”, de Antoine de Saint-Exupéry (1900-1944).

“O réu aguarda que seu advogado venha aqui defender tecnicamente, mas o advogado não analisou nada, não analisou associação criminosa, dano, porque o advogado preparou um discursinho para postar em redes sociais. É muito triste, e só não seria mais triste ou é mais triste, porque ainda confundiu ‘O Príncipe’ de Maquiavel com ‘O Pequeno Príncipe’ de Antoine de Saint-Exupéry que são obras que não tem absolutamente nada a ver”, disse Moraes.

*Com informações do SBT News

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Notícias relacionadas

Cidades

O sepultamento da advogada criminal Andreia Teixeira, de 44 anos, vai acontecer na manhã desta quinta-feira (29), às 9h, no cemitério Bom Pastor II,...

Polícia

Um advogado identificado como José Arthur Alves de Arcanjo, de 29 anos, foi baleado na tarde desta sexta-feira (09). Informações atualizadas com as autoridades...

Judiciário

Um dos advogados do ex-presidente Jair Bolsonaro, Fábio Wajngarten, afirmou que Bolsonaro saiu às 5h da casa em Angra dos Reis, nesta segunda-feira (29)...

Política

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta quarta-feira (24) o compartilhamento com a Controladoria-Geral da União (CGU) das investigações...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO