Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Brasil

Três em cada dez mulheres sofreram violência doméstica no Brasil

Foto: Reprodução

Três em cada dez mulheres já foram vítimas de violência doméstica no Brasil. É o que mostra a 10ª Pesquisa Nacional de Violência contra a Mulher, divulgada nesta terça-feira (21) pelo Instituto DataSenado.

Além da estimativa, o estudo aponta que quanto menor a renda, maior é a chance de uma mulher ser alvo de violência doméstica. As estimativas apontam que mais de 25,4 milhões de brasileiras sofreram violência provocada por um homem em algum momento da vida. Dessas, 22% afirmam que algum dos episódios ocorreu nos últimos 12 meses.

Entre os tipos de violência cometidos, a violência psicológica é a mais cometida: foram 89% casos. Seguido pela moral (77%), física (76%), patrimonial (34%) e sexual (25%).

A maior parte das agressões é cometida pelo marido ou companheiro (52%) e 15% pelo ex-marido, ex-namorado ou ex-companheiro. Outro dado da pesquisa aponta que a maior parte das vítimas vivencia a primeira agressão ainda muito jovem: entre 19 a 24 anos, como relataram 22% das entrevistadas.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

O levantamento em 2023 escutou mais de 23 mil mulheres e fez do estudo o maior sobre violência doméstica já realizada no Brasil, de acordo com o publicação do Senado.

SBT News

Notícias relacionadas

Polícia

Uma mulher de 23 anos envolvida em um assalto a uma loja de celulares em Patos, na Paraíba, foi localizada no Rio Grande do...

Mundo

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) criticou, nesta quinta-feira (15), a postura de Israel na guerra com o Hamas e em relação...

Judiciário

O pastor Leandro Rafael Cezar foi condenado por incitação ao crime, devido a um vídeo em que orienta os pais a baterem em crianças....

Polícia

Um policial militar agrediu a filha em uma festa de Carnaval na praia de Pirangi, em Parnamirim, na madrugada de terça-feira (13). A Polícia...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO