Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Brasil

Reajuste para servidores pode acontecer ainda em 2024, diz ministra de Lula

A Ministra da Gestão e Inovação em Serviços Públicos, Esther Dweck, afirmou que o reajuste salarial para os servidores do Executivo federal em 2024 não está completamente descartado.

Embora oficialmente não haja previsão para este ano, a ministra indicou que, dependendo do desempenho das receitas, a possibilidade de um reajuste salarial ainda está em consideração.

“Se você estiver cumprindo a meta de resultado primário e você tiver um excesso de receita, a gente pode ter uma expansão da despesa em até R$ 15 bilhões este ano”, declarou Dweck.

“E aí, isso sim, já está pactuado com os ministros que compõem a Junta de Execução Orçamentária, que parte disso, sim, seria para um reajuste dos servidores este ano”, completou ela.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

A declaração foi dada pela auxiliar do presidente Lula (PT) na quinta-feira (25).

AUMENTO PODE VIR NO MEIO DO ANO

A ministra esclareceu ainda que o novo Marco Fiscal, a regra que controla os gastos públicos, contempla uma chance, mesmo que não seja muito expressiva do ponto de vista fiscal, de uma recuperação das receitas em março possibilitar a expansão das despesas além do montante inicialmente previsto.

“A lógica que está pensada no arcabouço é: se em março você observar esse excesso de arrecadação, no relatório de maio você pode incorporar isso no orçamento e aí, provavelmente, a negociação seria para começar a partir de junho ou julho”, pontou a ministra.

Para que o reajuste salarial dos servidores federais saia realmente em 2024, Esther Dweck defende um esforço coletivo.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

“Como diz o ministro Haddad, todo mundo tem que ajudar a Receita a ter arrecadação para que a gente possa, de fato, ter um reajuste este ano”, ressaltou a ministra.

Vale lembrar que no final de 2023, o governo federal propôs efetivamente congelar as remunerações dos servidores federais durante esse ano, com a promessa de um reajuste a ser pago em duas parcelas de 4,5% cada, programadas para 2025 e 2026.

No ano de 2023, houve uma recomposição salarial concedida no montante de 9%.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Notícias relacionadas

Cidades

Servidores que atuam na área de educação iniciarão, a partir de quarta-feira (3), uma greve nacional por tempo indeterminado. Segundo o Sindicato Nacional dos...

Brasil

Os preços dos medicamentos em todo o Brasil poderão ser reajustados em até 4,5% a partir desta segunda-feira (1º). O aumento anual, que funciona como um teto (valor...

Economia

Começa a vigorá já neste domingo (31), o reajuste anual dos preços de medicamentos. O governo federal, por meio da Câmara de Regulação do Mercado...

Economia

O Governo do Rio Grande do Norte conclui, na próxima sexta-feira (29), o pagamento do salário do mês de março para os servidores públicos...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO