Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cidades

Servidores da UFRN deflagram greve por tempo indeterminado a partir de quinta-feira

Servidores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) aprovaram, em assembleia realizada nesta segunda-feira (11), a deflagração de greve por tempo indeterminado a partir de quinta-feira (14). A decisão foi tomada pelos servidores técnico-administrativos da instituição, que reivindicam a reestruturação do Plano de Carreira dos Cargos Técnico-Administrativos em Educação (PCCTAE).

A greve, que terá início nesta quinta-feira, não tem um prazo determinado para encerramento, e os servidores decidiram pela paralisação como forma de pressionar por melhorias em suas condições de trabalho. Os impactos da greve nas atividades da universidade ainda não foram precisamente definidos, mas as aulas não serão suspensas durante o período de paralisação.

A decisão foi tomada de forma voluntária pelos servidores técnico-administrativos, e os encaminhamentos durante a greve serão coordenados pela Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) em conjunto com os representantes sindicais.

O reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), José Daniel Diniz Melo, recebeu representantes dos servidores técnico-administrativos da instituição. Durante o encontro, os representantes entregaram um comunicado anunciando a deflagração de greve.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

O reitor expressou seu entendimento em relação à necessidade de reestruturação e valorização do PCCTAE, destacando que tem apoiado as demandas dos servidores junto ao Governo Federal, por meio da Associação Nacional dos Dirigentes das Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes).

“Dada a defasagem da carreira dos técnico-administrativos em educação, que se tornou pouco atrativa e não atende mais às necessidades de uma universidade moderna, entendemos a mobilização em prol de um diálogo construtivo para o processo de reestruturação do PCCTAE. A Andifes tem sido parte dessas discussões e continuará seu trabalho para avançar e obter sucesso nessa proposta”, afirmou o reitor.

Durante a greve, os encaminhamentos serão coordenados pela Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas (Progesp) junto aos representantes sindicais.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Notícias relacionadas

Educação

Os professores das universidades e dos institutos técnicos federais estão divididos sobre o fim da grave, que já dura mais de 40 dias. Na...

Economia

Servidores ativos, inativos e pensionistas do funcionalismo público municipal da Prefeitura de Natal recebem o pagamento da folha de maio nesta terça-feira (28). A...

Educação

Os professores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) ratificaram, em plebiscito realizado na quarta-feira (22) e nesta quinta-feira (23), a indicação...

Cidades

A BR-101 será interditada na manhã do próximo domingo (19) para a realização da Maratona da Cidade do Natal e também dois concursos na...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO