Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cidades

Prefeito de Mossoró fala sobre impactos da interdição da BR-304 para a região

A interdição na BR 304 já é motivo de preocupação para todo o Rio Grande. Os impactos vão do fluxo na rodovia à economia. Em entrevista para o Jornal do Dia, o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, conversou com a apresentadora Micarla de Souza sobre as preocupações do município diante dos estragos causados pelas chuvas decorrente do rompimento de açudes entre Lajes e Caiçara do Rio dos Ventos, no domingo (31).

“A gente teme o Mossoró Cidade Junina, um grande evento com programação já anunciada. Claro, a gente já teme por conta dessa questão da BR 304. Claro que existem também as outras duas BRs que chegam à cidade de Mossoró, mas em tempo maior, existe a questão dos voos, nós temos 4 voos semanais, isso já é possível.”, explicou.

Leia também:
Confira rotas alternativas para desvio da BR 304, danificada pelas chuvas
Ministro Renan Filho anuncia projeto para construção emergencial de uma nova ponte na BR-304

Allyson destacou ainda os riscos que a interdição do trecho pode trazer para Mossoró e para toda a região Oeste, Costa Branca e região Central.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

“A interdição na BR 304 causa um prejuízo grande diante da ligação que nos temos com a capital do estado, da necessidade do dia a dia, do transporte rodoviário, das necessidades que a cidade tem, e também a toda a região Oeste, região da Costa Branca, região Central. Já está claro que isso deve provocar aumento nos preços e que chegue até o supermercado para o cidadão. Estamos falando do valor do frete que vai subir. Nesse primeiro momento, o prejuízo é muito claro, no tocante ao desabastecimento que poderemos ter, ou aos preços mais altos, devido a questão do frete.”, disse sobre os impactos econômicos.

Após anunciar na segunda-feira (1), que a recuperação da BR 304 poderia durar até 12 meses, nesta terça-feira (2), o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) afirmou que a reconstrução do trecho pode ser concluída em cinco meses.

“Mas nós queremos pedir uma celeridade grande do Dnit e do Ministério dos Transportes. É uma obra emergencial, não dá para esperar 8/12 meses. O Ministério deve dar uma solução para uma estrutura pré-fabricada de concreto, ou uma estrutura metálica até que se tenha a convencional em concreto armado, concreto pré-moldado. Acredito que uma estrutura pré-moldada, em primeiro momento, já se consiga voltar a ter o fluxo até que outra estrutura possa ser colocada. O que a gente pede aqui, em nome da cidade de Mossoró e toda a nossa região, é que não se chegue a esse prazo de 8 ou 12 meses, como foi anunciado, porque realmente é uma preocupação muito grande. A solução dos 12 meses é inviável, oito meses também. A de cinco, eu acredito ser possível abreviar com uma estrutura em um local que possibilite uma nova rota, ou um desvio pela própria BR 304, acredito que é possível se fazer isso.”, disse.

Na próxima quinta-feira (4), o prefeito estará reunido com o Conselho da Defesa Civil, formado pela Polícia Militar, pelo Corpo de Bombeiros, instituições da sociedade civil e órgãos da Prefeitura de Mossoró, para já traçar um plano de contingência para o município, caso aconteça aumento das águas do rio Mossoró.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

“Em Mossoró, nós já convocamos o Conselho da Defesa Civil, formado pela Polícia Militar, pelo Corpo de Bombeiros e instituições da sociedade civil e órgãos da Prefeitura de Mossoró. Quinta-feira vamos nos reunir e já traçar aqui um plano de contingência, caso a gente venha ter aumento das águas do rio Mossoró e prejuízo às populações que vivem às margens, população ribeirinha e também na zona rural de Mossoró, para a gente poder se antecipar. É importante a participação de todo mundo.”, ponderou.

Notícias relacionadas

Cidades

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), informou nesta terça-feira (9) que o desvio na BR-304, em Lajes, distante 128 quilômetros de Natal...

Fuga em Mossoró

A exoneração do diretor da Penitenciária Federal de Mossoró, localizada no Rio Grande do Norte, Humberto Gleydson Fontinele Alencar, foi oficializada nesta sexta-feira (5)...

Fuga em Mossoró

Após 50 dias de buscas, os fugitivos da Penitenciária Federal de Mossoró, retornaram para a cidade potiguar na madrugada desta sexta-feira (5). Segundo informações...

Fuga em Mossoró

Os fugitivos do Presídio Federal de Mossoró (RN) foram recapturados. Rogério Mendonça e Deibson Nascimento, embarcaram na noite de quinta-feira (4) do Pará de...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO