Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Política

Nove ministros deixam os cargos para se dedicarem à disputa eleitoral

Foto: Marcello Casal Júnior/ABr

Nesta quinta-feira (31), o presidente da República, Jair Bolsonaro, promove, às 10h, uma solenidade de despedida de nove ministros do governo. A lista das exonerações foram divulgadas no Diário Oficial da União. Todos devem concorrer nas eleições deste ano.

A Lei de Inelegibilidades, de 1990, define que os ministros que desejam se candidatar precisam deixar os cargos até seis meses antes do primeiro turno ? a ideia é evitar que eles usem os cargos para obter vantagem eleitoral. Em 2022, esse prazo termina no próximo sábado (2).

Os ministros saem para disputar cargos para governos de estados, Senado e Câmara dos Deputados. A maioria será substituída por os atuas secretários-executivos. A solução caseira teria sido uma orientação do próprio presidente Jair Bolsonaro.

As exonerações, todas a pedido, foram publicadas no DIário Oficial da União. Veja a lista:

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Damares Alves, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos
Tarcísio de Freitas, da Infraestrutura
Onyx Lorenzoni, do Trabalho e Previdência
Marcos Pontes, da Ciência e Tecnologia
Rogério Marinho, do Desenvolvimento Regional
Tereza Cristina, da Agricultura
Flávia Arruda, da Secretaria de Governo
João Roma, da Cidadania
Gilson Machado, do Turismo
Já o ministro Braga Netto é o possível indicado para vice-presidência na chapa de Bolsonaro na disputa pela reeleição, e também deve deixar o governo em breve.

Outras exonerações
O delegado Alexandre Ramagem, chefe da Agência Brasileira de Inteligência (Abin) é outro que deixou o cargo. ainda sem nomeação de substituto. O secretário especial da Cultura, Mário Frias, também teve sua exoneração publicada.

Entre os novos ministros estão Ronaldo Bento, secretário de Assuntos Estratégicos, para substituir João Roma; Carlos Brito, presidente da Embratur, para ocupar o lugar de Gilson Machado; e Marcelo Sampaio, atual secretário-executivo da Infraestrutura, na vaga de Tarcísio de Freitas.

No Ministério da Mulher, assume Cristiane Britto, atual chefe da Secretaria Nacional de Políticas para Mulheres.

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Fonte: SBT News

 

Notícias relacionadas

Política

O senador, presidente estadual do Partido Liberal (PL), Rogério Marinho, e líder da oposição, conversou com a apresentadora do Jornal do Dia, Micarla de...

Brasil

A ex-primeira-dama Michelle Bolsonaro (PL) será homenageada com o título de cidadã honorária de São Paulo no dia 25 de março, em cerimônia no...

Política

O ex-presidente Jair Messias Bolsonaro confirmou presença na solenidade em homenagem ao Dia do Motociclista, na Assembleia Legislativa do RN, na próxima quinta-feira (30)....

Cidades

A Câmara Municipal de Parnamirim aprovou a concessão do título de “Cidadão Parnamirinense” para o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). A aprovação foi por unanimidade,...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO