Conecte com a gente

Olá, o que você está procurando?

Cidades

Municipalização da Olavo Montenegro pode ser solução para problemas enfrentados na via, afirma vereador

Foto: Reprodução/YouTube TV Ponta Negra

A Câmara Municipal de Parnamirim realizou uma audiência pública nesta sexta-feira (5) para debater as problemáticas enfrentadas na Avenida Olavo Montenegro, com o intuito de assegurar melhorias efetivas e responsabilidade de informação para os parnamirinenses. De propositura do vereador Thiago Fernandes, a audiência durou cerca de três horas e reuniu autoridades e também a população.

Leia também:
Inmet emite alerta de perigo potencial de chuvas para Natal e outras 64 cidades do RN

Thiago Fernandes acredita que a municipalização da Olavo Montenegro seria uma possível solução para os problemas enfrentados na via. “Pode ser um caminho. O município já conseguiu recentemente a 303, que é a que passa ali no caminho de Cajupiranga, tem uma solicitação e uma discussão relacionada a Abel Cabral, Maria Lacerda e Ayrton Senna, também para a questão de municipalização. A Olavo Montenegro não pode ser diferente”, explica o vereador Thiago Fernandes.

Leia também:
Câmara de Natal aprova projeto de lei que altera previdência de parte dos servidores

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

A mesa foi composta pelo vereador propositor, Thiago Fernandes, pelo deputado estadual, Rosano Taveira Júnior, a vice-prefeita de Parnamirim, Kátia Pires, o titular da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Saneamento Básico (SEMOP), Albert Josuá Neto e contou ainda com a presença do presidente da Câmara, vereador Wolney França, e dos vereadores Gabriel César e Michael Borges.

Durante a audiência pública, foram discutidos os principais problemas da área, incluindo a necessidade da implantação de um sistema de drenagem eficiente e melhoria na segurança, além de soluções para o tráfego intenso, como a troca de lombadas por semáforos de pedestres, criação de proposições e comissões de modo a sanar as dificuldades. O secretário municipal de obras, Josuá Neto, fez a apresentação de um projeto que busca viabilizar os problemas enfrentados no local.

“Já temos várias discussões, porém, ficava dúvida: de quem é a responsabilidade, se apenas do Governo do Estado ou se o município tem sua participação também. Então, essa audiência juntando os dois entes federativos é justamente para ver essa questão: minimizar esses questionamentos. Espero que, ao final desta audiência pública, a gente consiga responsabilizar em cada parte o Estado e o município e, conjuntamente, a gente solucionar”, afirma Thiago Fernandes.

 

Anúncio. Rolar para continuar lendo.

Notícias relacionadas

Cidades

O Governo do Rio Grande do Norte e o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) debateram, na manhã desta quarta-feira (10), a implantação...

Política

A Frente Parlamentar da Mulher da Câmara Municipal de Natal debateu nesta sexta-feira (3) a prática do mercado de consumo em diferenciar preços de...

Cidades

A Câmara Municipal de Natal vai promover uma audiência pública na próxima segunda-feira (29), às 14h, com a temática do Maio Amarelo – Paz...

Brasil

A morte do cachorro Joca, após erro da Gollog, empresa de transporte de carga da Gol, chamou a atenção não apenas dos internautas, mas...

Publicidade

Copyright © 2022 TV Ponta Negra.
Desenvolvido por Pixel Project.

X
AO VIVO